Qual a relação entre zumbido no ouvido e aparelho dental?

Estima-se que pelo menos 28 milhões de brasileiros já vivenciaram um zumbido  no ouvido em alguma circunstância. Um zumbido pode ser de vários tipos: cachoeira, cigarra, chiado, TV fora do ar, grilo, clique, pulsação.

Como profissional de saúde especialista em cabeça e pescoço, o dentista é capaz de identificar desordens (DTM) e pontos de stress na articulação temporomandibular que podem estar relacionados à presença do zumbido.

Outros problemas ortodônticos decorrentes da oclusão incorreta como apinhamento, sobremordida, mordida cruzada prejudicam também o encaixe da mandíbula com a maxila, podendo favorecer a interpretação errônea do cérebro ao perceber um zumbido.

Também conhecidos como trigger points, os pontos de gatilho musculares são pequenas áreas hipersensíveis e tensas que espontaneamente ou sob estímulo mecânico, desencadeiam dor local. Muitos estudos têm relacionado a presença desses pontos de gatilho musculares na região cervical com o zumbido.

Oclusão é o ramo da odontologia que trata as relações de mordida entre a arcada dentária superior com a inferior e suas implicações em estruturas anexas. De maneira geral, os dentes superiores devem encobrir ligeiramente os inferiores, ou seja, o arco dentário superior deve ser um pouco maior que o inferior. Quando as características do mecanismo de abertura da mandíbula são diferentes, como nos casos de mordida aberta e mordida cruzada, percebesse a má oclusão dentária, podendo variar em alguns tipos: quando o arco dentário superior é muito maior que o arco inferior, ou quando o arco dentário superior é bem menor que o inferior.

Disfunções da articulação temporomandibular podem ser a causa de zumbido no ouvido, pois gera um encaixe errado forçando excessivamente o trabalho da mandíbula e a musculatura mastigatória. Consequentemente, o sistema sensorial pode confundir a força exercida, interpretando-a como zumbido.

Nos casos em que é bastante acentuada, é recomendado consultar um dentista para iniciar o tratamento, que pode incluir o uso de aparelho dental.

Segundo a Academia Norte-Americana de Otorrinolaringologia, pessoas que sofrem de dor no ouvido geralmente acreditam que esse desconforto auditivo está sendo causado por uma infecção. Para surpresa de muitos, no entanto, o motivo mais comum para a dor de ouvido é uma disfunção da articulação temporomandibular (ATM), causa de uma série de problemas que tem início na mandíbula.

E você, tem passado passado por situações de zumbido no ouvido? Procure a Coife Odonto mais próxima e agende uma avaliação.

Gostou? Compartilhe!

AGENDE SUA AVALIAÇÃO